Categoria: Povo

Postado em 21/08/2015 13:30:18

CASA ABANDONADA

Quem não cuida de si mesmo,
parece uma casa abandonada todo mundo invade!

Se eu não me respeito e aceito tudo!
Parece que eu me abandonei,
ai então o povo toma conta...


Janete Sales Dany


Postado em 06/10/2015 11:00:40

Soneto Coração Cigano

Outrora andei na rota do sofrer
Eu confrontei a penúria corpulenta!
Contratempos na frente do querer
Na fé encarei a borrasca turbulenta

Mirei o irisar no céu do meu viver
Sei, Santa Sara kali nunca ausenta!
Mereci raios de sol no amanhecer
Protegi a minha vida da tormenta

Ofereci o meu íntimo ao bom Deus
Sempre descobri luz nos sonhos meus
Arriba estava o amor de cor vibrante!

Dizem que sou mistério nesta terra...
Sou defensor da paz, e execro a guerra!
Um coração cigano, e sempre avante


Janete Sales Dany


Postado em 31/12/2015 15:13:45

Brasil Terra Esquecida

Esta fome na esquina, escancarada!
Não vejo a flor nascendo neste chão
O trabalhador triste, sem morada...
Homens falsos roubando esta nação

Carece tudo nesta palhaçada...
Sem água, sem justiça, e até sem pão!
E foram escolhidos para nada?
Senhores ouçam nossa comoção!

Brasil, terra esquecida e tão sofrida...
Políticos não sentem a ferida
Não trafegam num ônibus jamais

A vida deles é de mordomias
Sabemos que as promessas são vazias
E o povo irá esquecer nos carnavais...


Janete Sales Dany


Postado em 16/09/2016 14:45:36

Sigo a tua luz Santa Sara Kali
Abençoa o voo ágil do colibri
Na trilha eu rezo em teu louvor
Tua face é a imagem do amor
Abranda e dissolve o temor

Sol e lua no céu do Povo Cigano
A retidão tu dás para o desengano
Recurso tu és para os que choram
A paz surge para os que te adoram!

Kristesco te escoltou no mar violento
A barca sem rumo encontrou alento
Luz no olhar e os milagres surgiram
Ilha de fé para os que te seguiram


Janete Sales Dany


Postado em 28/05/2017 10:34:22

Seu presidente se o momento que o Brasil vive exige reformas,
e é isto que dizemos a população, fica impossível justificar
porque que não tratamos da reforma da máquina publica
e do custo desta máquina.
Se o remédio é amargo, é difícil compreender porque o trabalhador
rural tem que tomar este remédio e o político não...
Porque muitas vezes seu presidente quando um filho está doente
o pai ou a mãe antes de dar o remédio amargo ao filho
toma um pouco deste remédio para dizer que está junto
e encorajar o filho a enfrentar a dificuldade...
A diferença no nosso caso nesta insistência
de não tratar da reforma da máquina publica são duas:
Primeiro é que o pai toma o remédio estando saudável...
E a principal doença está aqui, depois, é que não é o povo
que tem que obedecer aos políticos, somos nós políticos
que precisamos obedecer ao povo.
E ai a gente vai dando sinais a população que não vai ser tratado isto,
Da reforma da máquina publica, e a população não aceita mais...
E ai a gente achando que o tempo é que vai acalmar o país,
E não vai acalmar, a gente precisa tratar de temas que beiram a
obviedade, da exigência da população.
Não dá para pedir equilíbrio à população quando a gente
vive banhado em distorções da máquina publica....
Debate intensivo nisto...


Pedro Cunha Lima


Postado em 12/08/2017 09:18:54

Político Sem-Vergonha tenha piedade do Povo
E não torne a nos saquear de novo
Renuncie a este cargo que alcançou no congresso
Sua presença nele só nos trás retrocesso


Janete Sales Dany



Página 1 de 1

Procurar Pensamentos / Poesias

Imagens Aleatorias


visitantes